Como solucionar problemas de interferência Wi-Fi com o NetSpot

A Wi-Fi é uma tecnologia tão avançada que até parece mágica. Obviamente não se trata de mágica, é claro, mas sim de um efeito logicamente explicável ​​das ondas de rádio. Quando os dispositivos usam a Wi-Fi para se conectar à Internet os sinais são enviados através de ondas de rádio e, apesar de ser uma tecnologia avançada, a interferência sem fio podem acontecer. Como resultado disso, sua conexão sem fio pode ficar fraca e pouco confiável.

Interferência sem fio explicada


Na maioria dos casos, a sua rede sem fio está sendo afetada por interferência quando algum dos seguintes sintomas ocorrem: conectividade intermitente ou desconexões inesperadas, atraso na conexão e na transferência de dados, velocidade lenta da rede e sinal fraco.

A fonte habitual da interferência Wi-Fi é algo que causa interferência na frequência de rádio. Os motivos podem ser diferentes:

  • A forma como o roteador sem fio está posicionado
  • Obstáculos físicos, como paredes e pisos
  • Quaisquer outros aparelhos sem fio (monitores para bebê, controles para abrir o portão da garagem, etc.)
  • Utensílios de cozinha, tais como, micro-ondas ou geladeira
  • Outras redes Wi-Fi na mesma área

Posicionamento do Roteador Sem Fio


Obviamente, a maneira que você posiciona seu roteador sem fio terá efeito sobre a área de cobertura dele e a intensidade do sinal Wi-Fi.

Como solucionar este problema

  • Coloque o roteador centralizado na área onde a rede será usada. Se o roteador for colocado mais para os cantos, então o sinal não será igual.
  • Certifique-se que a antena do roteador esteja na posição vertical. Muitas antenas são ajustáveis ​​e podem ser colocadas na horizontal, mas apontar diretamente para cima geralmente é a melhor opção.
  • Coloque o roteador em uma superfície elevada. A recepção será melhor quando se ele está em cima de uma mesa, ao invés do chão

Obstáculos Físicos


A construção do espaço (seja uma casa ou um escritório) afeta o alcance do sinal sem fio e a velocidade. O material utilizado na construção também faz diferença, por exemplo, madeira ou vidro terá menos impacto do que tijolo e metal. Estes últimos, podem fazer com que fique mais difícil de estabelecer a conexão e que a velocidade fique mais lenta. Então, não se esqueça de prestar atenção ao tipo de material que está por volta do local onde o roteador é colocado.

Confira a lista de obstáculos físicos e qual efeito que eles podem ter sobre o sinal sem fio.

Tipo de Barreira Nível de Interferência
Madeira Baixo
Gesso Baixo
Material Sintético Baixo
Vidro Baixo
Água Médio
Tijolos Médio
Mármore Médio
Concreto Alto
Metal Alto
Espelho Muito Alto

Como solucionar este problema

  • Tente mover o dispositivo sem fio para um local diferente. Até mesmo um metro para o lado pode fazer uma enorme diferença na intensidade do sinal Wi-Fi. Alguns dispositivos sem fio, como roteadores Wi-Fi ou telefones sem fio possuem antenas ajustáveis. Experimente apontar a antena para uma direção diferente para ver se diminui a interferência.
  • Adicionar um extensor Wi-Fi à sua rede. Estes dispositivos retransmitem o sinal do seu roteador, mesmo que ele esteja em uma sala diferente, proporcionando uma melhor conexão para um dispositivo que está recebendo um sinal muito fraco ou está sem sinal.
  • Há também adaptadores powerline. Eles são muito bons para espaços maiores com paredes e pisos mais espessos. Esses adaptadores usam os cabos da rede elétrica existente poupando a necessidade de comprar novos cabos caros. Conectar um adaptador powerline a um extensor de Wi-Fi é um método eficiente de estender a conexão Wi-Fi para os locais mais remotos de seu espaço.

Interferência de Frequência (Outros aparelhos Sem Fio)


Mesmo que os dispositivos não sejam relacionados com a Wi-Fi, eles podem estar operando nas mesmas frequências de 2.4GHz ou 5GHz. Dispositivos Bluetooth, telefones sem fio, monitores de bebê exemplos disso. Além deles, aparelhos como o micro-ondas, podem estar gerando ruído na frequência de rádio e, como resultado, a rede pode ficar mais lenta ou causar a desconexão. Dê uma olhada na lista abaixo que apresenta possíveis fontes de interferência de sinal.

  • Micro-ondas - quanto mais próximo o roteador ficar do micro-ondas, mais interferência na rede você pode esperar que ocorra quando o micro-ondas estiver em funcionamento. Isso é especialmente verdade para os roteadores sem fio mais antigos que, assim como o micro-ondas, operam no espectro de 2,4 GHz.
  • Telefone sem fio - também no 2.4 GHz do espectro. Assim como o item anterior, esses telefones também podem causar grande interferência no sinal. A interferência Wi-Fi irá ocorrer durante uma chamada ativa.
  • Mal Cabeamento da Antena Parabólica - se a antena parabólica não estiver devidamente conectada ou os fios estão velhos e se deteriorando, é possível que haja uma grande interferência no sinal.
  • Outros Dispositivos Sem Fio - qualquer dispositivo sem fio pode tecnicamente causar uma interferência de sinal. Podem ser alto-falantes sem fio, monitores de bebês, controles de portas de garagem, etc. Alguns outros dispositivos sem fio que operam no espectro de 2,4 GHz ou 5 GHz, incluindo transmissores de micro-ondas e câmeras sem fio, também podem contribuir para a interferência na rede sem fio.
  • Fontes de Energia - linhas elétricas de ferrovia ou cabos de energia elétrica que estão passando pelas proximidades também podem causar interferência Wi-Fi. Tente não posicionar seu roteador Wi-Fi perto de paredes com fios de luz ou perto da caixa de disjuntor.
  • Cabos Mal Blindados - se você suspeitar que um determinado dispositivo está causando interferência, tente desligá-lo e usar um cabo diferente para ele.
  • Monitores externos e monitores LCD - estes podem ser especialmente irritantes na faixa de 2,4 GHz entre os canais 11 e 14. Se você estiver trabalhando com um monitor conectado a um laptop, a interferência pode ser ainda mais forte. Faça com que seu ponto de acesso use 5 GHz ou um canal mais baixo no 2,4 GHz.
  • Wi-Fi dos Vizinhos - poderosas redes Wi-Fi que se sobrepõem podem afetar uma a outra.

Como solucionar este problema

Sempre é uma boa ideia desligar e desconectar dispositivos eletrônicos temporariamente para ver como eles afetam na questão interferência sem fio. Outra opção é mover os dispositivos sem fios de lugar. Se você acha que há um dispositivo sem fio específico causando o problema, verificar se ele oferece opções para mudar os canais de Wi-Fi. Tente mudar para a frequência robusta de 5GHz. Se ainda assim não ajudar, você pode experimentar modelos atualizados com melhor blindagem a ruído de ondas de rádio.

A interferência de frequência também pode ser corrigida alterando o canal no roteador WiFi. O canal pode ser ajustado geralmente entre os canais 1 e 11 em determinada frequência de transmissão. Os roteadores mais caros e avançados podem transmitir a 5 GHz, algo que é ótimo.

Interferência de redes Wi-Fi concorrentes


Se as redes Wi-Fi pelas redondezas estão usando o mesmo canal de frequência, isso pode estar causando interferência. Uma rede Wi-Fi padrão na América do Norte pode operar em qualquer um dos 11 canais, enquanto em outros países há possibilidade de 13 canais. Assim, se mais do que uma rede estiver utilizando o mesmo canal, haverá sempre uma competição para a largura de banda. Grandes cidades e edifícios com apartamentos estão particularmente propensos a problemas de interferência, porque mais redes Wi-Fi são sobrepostas e, provavelmente, usam os mesmos canais.

Como solucionar este problema

Os roteadores Wi-Fi mais modernos oferecem uma opção para encontrar o canal Wi-Fi menos ocupado. Dê uma olhada no manual do usuário para ver como ativar essa opção e configurá-la corretamente. Se você tem o ajuste automático habilitado, mas ainda tem velocidade lenta e uma conexão que cai toda hora, tente configurar manualmente o canal e fazer um teste de velocidade para ver qual deles é o mais rápido. Use o NetSpot para escanear os canais Wi-Fi.

Outros Obstáculos


Outras questões que podem influenciar o desempenho da WiFi não são encontradas em nenhuma das categorias tradicionais, mas ainda precisam ser consideradas:

  • Um aparelho auditivo pode causar certa perturbação no sinal quando muito perto.
  • As linhas de energia, estações de energia, vias férreas podem não ser a causa da interferência, mas se você tem a sensação de que podem estar afetando sua rede, tente trabalhar com isso também.
  • Áreas de explosão. Por exemplo, uma mina.
  • Sua mão. Sim, a maneira que você segure o telefone pode interferir no sinal de rede também. Altere a sua pegada e veja se você consegue um melhor sinal Wi-Fi.

Como Vencer a Interferência Wi-Fi com o NetSpot


Sempre que você enfrenta algum problema com o sinal sem fio, o NetSpot poderá lhe ajudar a determinar se alguma interferência sem fio está ocorrendo. O NetSpot pode mostrar quais canais sem fio as redes por sua volta estão usando e pode recomendar qual canal será a melhor opção para a sua rede. Com o NetSpot você pode andar pelo perímetro e determinar quais pontos tem o sinal fraco e quais tem o sinal Wi-Fi mais forte.

O desempenho WiFi sempre será inferior ao de uma rede com fio, no entanto, ele vem melhorando a cada ano e a diferença entre os dois se torna cada vez menor.

Um roteador 802.11ac de banda dupla pode lhe oferece o melhor desempenho WiFi, especialmente quando posicionado corretamente. Configure vários roteadores no modo bridge em diferentes andares de um edifício para ampliar o sinal Wi-Fi ainda mais.

Você tem mais perguntas? Fazer uma pergunta.

A versão para Windows está aqui!

O NetSpot é um ótimo aplicativo para aumento do sinal wifi e para reduzir a interferência da rede Wi-Fi.
Baixe o aplicativo gratuito para análise Wifi

A seguir em Resolução de Problemas WiFi


Outros Artigos

Comece agora com NetSpot
Funciona em qualquer MacBook (macOS 10.10+) ou qualquer laptop (Windows 7/8/10)
com um adaptador de rede sem fio padrão 802.11a/b/g/n/ac wireless network adapter.