• #1 NetSpot
  • Melhor ferramenta WiFi para avaliar a segurança WiFi
  • 4.8
  • 969 Avaliações de usuários

Não Deixe que Hackers Invadam a Sua WiFi: Estas São as Principais Dicas de Segurança WiFi

Devido à sua natureza onipresente, as redes WiFi tornaram-se um alvo comum de ataque para os hackers que estão à procura de diversão e lucro.
VERIFICADO POR
  • NetSpot
  • Essencial para a segurança WiFi
  • 4.8
  • 969 Avaliações de usuários
Se você estiver usando o WiFi em casa para se conectar à Internet a partir do seu computador ou dispositivo móvel, poderá ser vítima de um hacker, a menos que siga as nossas dicas de segurança de WiFi.

Como os Hackers Podem Invadir Redes WiFi?


Para quebrar senhas WiFi os hackers adotam duas abordagens muito diferentes. Alguns hackers contam com ataques de baixa habilidade que exploram senhas fracas e usuários novatos, enquanto outros podem executar ataques altamente técnicos usando exploits de alto nível e ferramentas sofisticadas e customizadas.

Sem criptografia, o tráfego em uma rede WiFi pode ser capturado e analisado por qualquer um dentro do alcance da rede. Se você tem curiosidade em saber a que distância um hacker pode estar do seu roteador residencial e ainda ter um sinal forte o suficiente para invadir a sua rede WiFi, então faça o download do NetSpot , uma ferramenta de análise de WiFifácil de usar.

Com o NetSpot, você pode ver instantaneamente se a sua rede WiFi está suficientemente criptografada para suportar um ataque direcionado.

Ter uma criptografia WiFi forte, como o WPA2, tornou-se uma necessidade absoluta, mas mesmo o protocolo de criptografia mais forte pode ser quebrado por uma senha fraca. Sim, pode ser um saco precisar lembrar de uma senha alfanumérica de dez dígitos, mas as consequências de uma invasão hacker WiFi bem-sucedida podem ser devastadoras.

Por que Alguém Aprenderia a Como Hackear WiFi?


Os hackers têm várias motivações para hackear a WiFi. O melhor cenário para você é que o hacker só queira roubar o seu sinal WiFi para uso próprio. O pior cenário é alguém que invade a sua WiFi para roubar a sua identidade ou o seu dinheiro. Isso é algo que você absolutamente não quer que aconteça e nossas dicas de segurança WiFi ajudarão a proteger a sua rede sem fio contra invasores.

Verifique a criptografia com o NetSpot

Ferramenta avançada e poderosa para Levantamento, Análise e Resolução de Problemas WiFi.

As 7 Principais Maneiras de Deter um Hacker de WiFi

Com tantas maneiras de invadir a rede WiFi, será que é mesmo possível ficar protegido contra atacantes anônimos com fome de lucro? É, mas exige certo esforço da sua parte. Abaixo estão as nossas 7 principais recomendações sobre como você pode melhorar drasticamente a segurança da sua rede Wi-Fi.

1. Altere as credenciais de administrador do seu roteador

Você se lembra da hora em que o roteador chegou e você precisou fazer o procedimento de configuração inicial? Se assim for, você provavelmente também lembrará que você teve que inserir um login e senha de administrador, certo? Vamos adivinhar: o nome de login era "admin", e a senha também era "admin", correto?

Nós achamos que sim. Você vê, a maioria dos roteadores tem o mesmo nome e senha de login de administrador padrão, o que significa que praticamente qualquer pessoa pode caminhar até seu roteador, conectar-se a ele usando um cabo Ethernet comum e mexer nas configurações dele.

Embora seja menos provável que isso aconteça com os usuários domésticos, é algo que os empresários não podem se dar ao luxo de deixar acontecer. Assim que possível, mude as credenciais de login padrão para algo mais seguro.

2. Configurar Uma Criptografia Forte

A criptografia WiFi é a sua principal defesa contra hackers que buscam uma maneira rápida e conveniente de hackear a senha do WiFi. A comunicação sem fio não criptografada pode ser capturada, analisada e abusada. O nível básico de proteção WiFi é a criptografia WEP.

Embora seja melhor do que nada, existem muitos tutoriais online fáceis de seguir que podem ensinar praticamente qualquer pessoa a hackear uma senha WiFi que esteja com uma criptografada WEP. Você deve usar pelo menos a criptografia WPA + TKIP. Idealmente, configure o seu roteador para usar a criptografia WPA2 + AES para obter uma segurança à prova de balas.

3. Mantenha o Seu Roteador Atualizado

O seu roteador possui um sistema operacional complexo que não é imune a erros de software. Um erro de software particularmente desagradável pode até permitir que um hacker do outro lado do mundo infiltre-se remotamente em sua rede e roube as suas informações pessoais.

Enquanto a maioria dos roteadores atualmente atualiza-se automaticamente, alguns exigem que você realize manualmente o processo de atualização. É uma boa ideia criar um lembrete no seu smartphone para verificar atualizações disponíveis pelo menos uma vez por mês.

4. Ocultar a Sua Rede Wi-Fi

O nome da sua rede Wi-Fi nada mais é do que o SSID, ou Service Set Identifier. Você pode se conectar a uma rede WiFi, mesmo que ela não transmita qualquer SSID, contudo, você precisará conhecer ele primeiro. Sendo assim, esconder a sua rede Wi-Fi ocultando o SSID é uma forma eficaz de evitar que as crianças do bairro usem a sua rede WiFi doméstica para aprimorar as habilidades de hacking delas.

5. Reduzir o Alcance da WiFi

Entendemos que a maioria das pessoas prefere ampliar o alcance da rede WiFi ao invés de reduzi-lo, mas às vezes, faz sentido limitar o alcance para uma pequena área. Se você está, por exemplo, morando em um pequeno apartamento, não há motivo para transmitir o seu WiFi para todo o condomínio dando a outras pessoas a oportunidade de pirateá-lo.

Uma ferramenta de análise WiFi, como o NetSpot, pode ajudá-lo a determinar o alcance atual da sua rede para que você possa diminuir o ajuste do Transmit Power Control no seu roteador.

6. Ativar filtragem por MAC

Todo dispositivo que pode ser conectar a WiFi possui um identificador exclusivo chamado endereço físico ou endereço de controle de acesso de mídia (MAC).

Você pode configurar o seu roteador para se comunicar apenas com certos endereços MAC, impedindo que qualquer dispositivo se conecte à sua rede. Apenas tenha em mente que a filtragem do MAC não é à prova de balas, porque é fácil mudar o endereço MAC na maioria dos dispositivos, fazendo com que eles se passem por outros dispositivos.

7. Evite Redes Públicas Abertas

Por mais convenientes que as redes públicas de WiFi possam ser, você deve ter muito cuidado ao se conectar em uma.

Nem todas as redes públicas de WiFi respeitam a privacidade e a segurança de seus usuários, e algumas redes públicas podem até terem sidas configuradas por hackers que desejam atrair vítimas inocentes para roubar suas senhas e contas bancárias. Apenas se conecte à redes públicas confiáveis e sempre desative a conexão WiFi automática para elas.

Verifique a criptografia com o NetSpot

Ferramenta avançada e poderosa para Levantamento, Análise e Resolução de Problemas WiFi.
Tem mais perguntas?
Envie uma solicitação ou escreva algumas palavras.

Leia o próximo em Tudo sobre Wi-Fi

E você quer ir mais fundo no mundo WiFi, confira os seguintes artigos sobre segurança WiFi, melhores aplicativos para redes sem fio, melhores roteadores WiFi, etc.

Outros Artigos

Adquira o NetSpot de Graça
Levantamento de Locais, Análise e Solução de Problemas WiFi roda em MacBook (macOS 10.10+) ou em qualquer laptop (Windows 7/8/10) que tenha um adaptador de rede sem fio padrão 802.11a/b/g/n/ac.
  • 4.8
  • 969 Avaliações de usuários